VOCÊ PRECISA URGENTE DE UM NERD

Quem nunca foi bem em uma prova da escola, ou se dedicou em um trabalho de casa e ouviu a seguinte frase daquele seu amigo mais invejoso:

Nossa, que NERD que você é!!!

Pois bem, como Nerd que sou, fui procurar de onde vem essa palavra e descobri que não há uma resposta definitiva para a origem do termo "nerd". Ele parece ter sido criado logo no início da década de 1950, mas seu primeiro significado não possui muita relação com o seu significado atual.


Enquanto a história do termo pode ter sido perdida no decorrer da história americana, o seu uso se mostra cada vez mais atual, mesmo mudando a interpretação do mesmo. Antigamente a palavra Nerd soava como um insulto destinado aos tipos de engenheiros que usavam óculos, cabelos lambidos, suspensórios e carregavam livros não importa onde fossem.

As mídias descreviam os nerds da década de 90 como jovens que usavam trajes com muito xadrez, óculos de cinquenta anos presos com fita adesiva na ponte do nariz, suspensório marrom, calças curtas e sapatos sociais. Sem contar os adereços que iam de viseiras verde neon até enormes livros sobre mitologia e história.

O termo evoluiu e assumiu uma descrição mais ampla na década de 1980, quando basicamente era usado para pessoas “antissociais”, tímidas e sem vida social ativa.

Nos dias de hoje eu mesmo me considero um Nerd, já que o termo se popularizou e deixou de ser algo pejorativo, hoje temos os "nerds da ciência", os "nerds de videogames", "nerds de música" ou qualquer outro tipo de especialista em qualquer área.

Parece até que a sociedade entendeu que não podemos ser uma colcha de retalhos, costurada de insights, emoções e aparências. Parece que muitas pessoas aceitaram simplesmente viver intensamente aquilo que são apaixonadas, sem se importar com os rótulos e com as etiquetas que a sociedade insiste em colocar.

Nesse sentido, o termo “nerd” acaba sugerindo algo mais próximo ao que chamamos de Especialista ou mesmo de algo. Fico feliz que o termo tenha evoluído para esse sentido e que hoje em dia ser Nerd é mais “Cool” e mais valorizado que antigamente.

Se você me permite uma pausa no texto, quero ressaltar aqui como o ser humano gosta de usar rótulos e como as palavras se tornam importantes por essa ótica. O nome que você dá para algo ou para alguém tem muito a ver com a sua percepção daquilo, ou mesmo da pessoa, neste caso. Se você é chamado de "Gerente Operacional", tenha certeza que significa algo completamente diferente de quando você é chamado de "Responsável da Linha de Produção".

Voltando ao assunto, Patton Oswalt escreveu certa vez que a concepção clássica de NERD é na verdade a ideia japonesa de um “Otaku”, ou seja, alguém que tem “interesses minuciosos e obsessivos - especialmente coisas como anime ou videogames”. Seu negócio, não importa quão grande ou pequeno, já é cheio de Nerds Otakus. Sabe aqueles do departamento de TI com um conhecimento inexplicável de computação, aqueles que sabem muito, mais muito mesmo sobre um assunto específico.

E no outro grupo eu vou colocar os que chamamos de "nerds de internet", "nerds de Star Wars", "nerds de bolsa de valores" e "nerds de Filmes", esses últimos também conhecidos como “Cinéfilos”. Repare que este é apenas um retrato da vida moderna que levamos. No final todos nós somos nerds em algum assunto.

O que sua empresa precisa na verdade, é um nerd daqueles dos anos 80, aquele que usa óculos antigo, mas que sabe consertar um robô. Uma pessoa que você pega jogando jogos chatos de números em reuniões que ele considera chatas. Uma pessoa que tenta criar um App em seu tempo livre.

Você conhece algumas dessas pessoas na internet.... sabe aquele cara que constrói um sabre de luz do Star Wars com LED ou a mulher que construiu um Robô capaz de defendê-la na rua. Estas são as pessoas que provavelmente falam de matemática em conversas de botequim ou citam trechos de Freud enquanto fazem uma analogia. São aquelas pessoas que transpiram um tipo único do que podemos chamar de inteligência.


Dois Nerds que impactaram toda uma geração.

Eu quero insistir na ideia de que todos precisam de um Nerd. Quero deixar claro que não estou falando "toda empresa de software ou Startup de consultoria" - quero dizer, TODO MUNDO MESMO.

Vender carros usados? Você precisa de um nerd. Negócios de Encanamento? Nerd. Empresa de eventos? Adivinha o que precisa...nerd.

Não há apenas uma razão principal, mas DUAS para isso. Em primeiro lugar, devo te lembrar lá da época da escola e dizer quem conceitos como números, gramática, física, artes, geografia e tantos outros, são mais importantes para o seu negócio atual do que você pode pensar, e você deve valorizá-los. Em segundo lugar, você deve sempre expandir o leque de personalidades das equipes da sua empresa ao seu ponto mais amplo.

Conceitos e ideias são as coisas que impulsionam as pessoas e são as pessoas que fazem as empresas funcionarem. Isso pode parecer uma afirmação estranha, mas pense em todas as marcas mais icônicas do mundo. Apple, Google, Coca-Cola, New York Times e Facebook são bons exemplos. Essas marcas são valiosas porque representam conceitos e as pessoas adoram conceitos.

Não sou nenhum Sherlock Holmes, mas podemos concluir que ter uma pessoa na sua equipe que entenda por que os conceitos são interessantes é incrivelmente significativo. Eles serão os únicos a ver o valor na criação de uma comunidade em torno de uma ideia. Eles ajudarão a manter sua empresa no caminho certo quando parecer que sua missão está atrasada. Eles serão os únicos a transformar seu negócio de Carros Usados em um nome conhecido, porque eles entendem como as pessoas são obcecadas por conceitos e quais os canais para atingir essas pessoas.

Isso me leva diretamente a segunda razão que comentei. A perspectiva de vida dos membros de sua equipe devem se sobrepor e somar à visão de mundo de seus clientes-alvo, e isso deve ocorre no maior número de canais possíveis.

Pessoas de todas as faixas lhe dão mais pontos de sobreposição com seus clientes. As pessoas zombam da velha ideia de um vendedor de carros usados, porque aquele tipo de homem mal-humorado e mal-humorado não combinava com muitos clientes. As pessoas odiavam ir lá.

Mais um detalhe importante, não sei se você sabe mas os Nerds parecem distantes de todo mundo mas são muito próximos entre si, e adicionar um à sua equipe pode aumentar sua capacidade de se conectar com os clientes Nerds de maneiras que você nunca imaginou. Lembre-se aqui da abrangência da palavra, não caia na armadilha de se apegar literalmente a palavras e rótulos.

Quero terminar com um clichê - Todos têm um papel a desempenhar. Eu estou defendendo a adição de Nerds à sua folha de pagamento, porque acho que eles adicionam muito à sua empresa, não digo para ter somente Nerds, não faça isso.

Quanto mais diversidade tiver, maior o campo de visão e possibilidades da sua empresa.

Acredito que as pessoas apaixonadas são o melhor tipo de pessoas. Encontre essas pessoas e coloque-as ao seu lado. Quanto mais você souber sobre como as pessoas trabalham e pensam, mais bem-sucedido será seu negócio.

Boa sorte na sua caminhada e que você encontre o Nerd que precisa.

46 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo